breves #32

Liga dos Campeões – Na sequência da exposição do Sporting à UEFA, o organismo já fez chegar em comunicado à direcção do Schalke 04 a manifestação promovida pelos leões. A SAD do Sporting Clube de Portugal queixou-se à UEFA da arbitragem do russo Serguei Karasev na partida em questão, manifestando todo o interesse em uma de duas soluções: a repetição do jogo ou a indeminização (por parte da UEFA ou do clube adversário) em 500 mil euros, valor a que o Sporting tinha direito caso o erro de arbitragem no lance da bola na de Jonathan Silva não fosse cometido. O empate na Champions League vale precisamente a atribuição de um prémio pecuniário no respectivo valor. A direcção do Schalke está a estudar a situação, tendo um dos seus mais altos dirigentes feito um comentário irónico contra o sistema de árbitros de baliza inserido nas provas organizadas por aquele organismo. Horst Heldt criticou Michel Platini, afirmando que o líder da UEFA está de parabéns porque o sistema “realmente funciona”.

A repetição da partida será a meu ver um facto praticamente impossível. Nunca naquela competição, dados os erros de arbitragem grosseiros que foram praticados em tantas partidas, algumas delas em fases muito adiantadas da prova (lembro-me daquele Chelsea vs Barcelona ou do roubo descarado que foi a passagem do Borussia de Dortmund às meias-finais em 2013 naquela eliminatória contra o Málaga com 2 erros de arbitragem escandalosos cometidos a favor da equipa alemã nos minutos finais da partida da 2ª mão; no ano passado, aconteceu uma situação semelhante em Amesterdão num Ajax vs Milan com a marcação de um penalty fantasma que deu o empate ao Milan no último minuto) ocorreu existir uma repetição de uma partida por culpa de um erro de arbitragem grosseiro. A repetição da partida seria a criação de um fenómeno novo da prova, fenómeno ao qual a UEFA manifesta-se completamente contra, apesar dos incentivos que tem manifestado ao fairplay ao longo dos anos de existência da competição.

Por outro lado, a “ficção jurídica” de um empate (não-desportivo) por intermédio de uma indeminização de meio milhão de euros, aplaude-se do ponto de vista financeiro mas desvirtua por completo o objectivo da verdade desportiva e camufla os erros cometidos pela arbitragem, não sancionando quem deve ser sancionado. Ou seja, neste caso, os 6 árbitros presentes na partida.

A UEFA já anunciou que vai decidir na terça-feira o protesto apresentado pelo Sporting. Um porta-voz da UEFA explicou à Lusa que a queixa tem por base  o artigo 50 do regulamento disciplinar da entidade que tutela o futebol europeu e que enquadra três alíneas: «Erro evidente do árbitro, clara violação das regras por parte do árbitro com influência decisiva no resultado final» e ainda «qualquer outro incidente que tenha influência decisiva no resultado».

 O Sporting também já respondeu às declarações de Jorge Jesus. O treinador do Benfica lamentou-se que o clube também já foi prejudicado gravemente nas provas da UEFA (referindo-se à eliminatória de há 2 anos frente ao Chelsea nos quartos-de-final e ao jogo de Leverkusen da edição desta época). Bruno de Carvalho aproveitou as declarações para afirmar que o Sporting está disponível para conversar “seja com quem for” em prol de uma visão comum para melhorar o futebol português.

Liga Europa –

As cenas são lamentáveis. Há muito que o hooliganismo dos adeptos britânicos não se fazia sentir na Europa. Os adeptos do Everton envolveram-se em escaramuças com os adeptos do Lille e com a polícia daquela cidade, antes e depois do jogo da Liga Europa que opôs as duas equipas (empate a 0 bolas). Tudo deverá começado na quarta-feira quando um grupo afecto aos Ultras do Lille atacou violentamente várias dezenas de adeptos da equipa inglesa numa zona de esplanadas da cidade. A resposta dos ingleses não demorou muito, provocando um autêntico cenário de batalha durante a tarde e noite de ontem.

O comportamento verificado pelos adeptos dos dois clubes está a ser investigado pela UEFA. O organismo poderá executar sanções contra os dois clubes, sanções essas que podem ir desde a punição básica de realização de jogos à porta fechada para os mesmos ao impedimento expresso de venda de bilhetes para os adeptos dos dois clubes nos jogos que terão que realizar fora.

FC Porto –

lopetegui

As declarações do treinador do Porto na conferência de imprensa de antevisão do jogo frente ao Arouca:

“Não acredito em verdades absolutas. Tratamos sempre de apresentar a equipa que achamos que vai ser melhor para cada jogo em específico. Não queremos terminar a primeira volta com cinco pontos de vantagem, queremos é ganhar a Liga e para isso traçamos um caminho e queremos seguir nele. Estamos bem na Champions e cada onze depende das necessidades de cada jogo. Todos no FC Porto são iguais. Há uns que jogam mais, mas isso não garante nada”.

A rotatividade do plantel será, portanto, para manter. Essa mesma rotatividade de plantel é a principal crítica dos adeptos ao trabalho do espanhol no comando técnico do clube. Aproveitando as declarações de Jackson Martinez, nas quais o colombiano pedia aos adeptos para não assobiarem os jogadores (referindo no entanto que compreende o descontentamento destes), o espanhol aproveitou o momento para frisar que prefere “ser assobiado” em detrimento dos jogadores.

Servia

Euro 2016\UEFA – A UEFA anunciou em comunicado oficial a decisão pendente para a reunião de ontem em relação aos acontecimentos do Sérvia vs Albânia e as respectivas sanções que as cenas mereceram por parte da Comissão de Controlo de Ética e Disciplina daquele organismo.

Pelo facto dos albaneses terem abandonado o terreno de jogo e se terem recusado a jogar, os albaneses perderam o jogo por 0-3 sendo ainda multados em 100 mil euros. Os Sérvios vencem ficticiamente a partida visto que os 3 pontos também lhes serão subtraídos pelos actos cometidos por jogadores e adeptos. (Justiça salomónica). Os sérvios também foram multados em 100 mil euros e punidos com 2 jogos à porta fechada, jogos que serão cumpridos frente à Dinamarca e Arménia. Nenhum jogador das duas selecções foi punido com jogos de castigo.

Juventus – O clube italiano anunciou a renovação de Paul Pogba até 2019. O jogador irá auferir um ordenado líquido de 4,5 milhões de euros por temporada, 3 vezes mais do que aquele que auferia no clube de Turim até hoje.

Sporting – Shikabala ainda não compareceu em Alvalade mas reapareceu publicamente no Cairo num jogo de futebol de 5 com estrelas mediáticas daquele país. O jogador também informou que tem a sua mansão à venda, facto que pode indiciar que o Sporting não lhe tem pago o ordenado. O jogador está sob alçada disciplinar do clube de Alvalade.

Marco Silva continua a preparar a recepção ao Marítimo para a 8ª jornada da Liga. Islam Slimani será a grande ausência da partida do lado da equipa lisboeta. O departamento médico do Sporting reavaliou o estado físico do jogador, concluíndo que este não abandonou a partida frente ao Schalke por problemas musculares graves. Deverá trabalhar de forma condicionada nos próximos dias, não sendo opção para o jogo deste fim-de-semana.

Luis Filipe Vieira\Jorge Nuno Pinto da Costa – O jornal A Bola referiu na sua edição em papel que os dois dirigentes terão almoçado juntos na Mealhada depois da reunião de presidentes de clubes profissionais realizada em Coimbra na 2ª feira.

Luis Duque é efectivamente o candidato que ambos apoiam para a presidência da Liga de Clubes.

Manchester United – A equipa britânica anunciou que o antigo guarda-redes do Barcelona Victor Valdés vai treinar-se durante algumas semanas com o plantel às ordens de Louis Van Gaal. O guarda-redes continua livre. Valdés continua a recuperar de uma lesão contraída em Março, existindo a possibilidade de assinar pela equipa de Manchester.

Luis Suarez

Luis Suárez – Véspera de superclássico em Espanha. O Barcelona soube por intermédio do TAS e da FIFA que pode utilizar Luis Suárez no jogo contra o Real Madrid. Luis Enrique confirmou na conferência de imprensa desta manhã que o uruguaio encontra-se em boas condições físicas e será opção para o jogo que se irá realizar amanhã pelas 18 horas espanholas (17h portuguesas) no Santiago Bernabéu.

Em entrevista ao Sport, o jogador confessou que nunca mais irá morder um adversário, referindo que foram milhares as pessoas que lhe perguntaram se o voltaria a fazer ou se estaria arrependido do acto cometido no Mundial perante Giorgio Chiellini.

Andrea Agnelli – O presidente da Juventus aplaudiu a decisão tomada em Assembleia Geral de accionistas do Inter que visa tornar Massimo Moratti presidente honorário do clube milanês, apesar de já não ser o principal accionista da equipa (agora é o indonésio Erick Thorir).

Inter de Milão – Walter Mazzarri pediu à direcção milanesa a contratação do lateral direito do Bayer de Leverkusen Giulio Donati. Donati tem tido uma utilização intermitente no plantel dos farmacêuticos, partilhando a titularidade com a outra opção para o sector, o croata emprestado pela Roma Tim Jedjav. Donati poderá sair de Leverkusen por perto de 6 milhões de euros. Mazzarri deverá pretender utilizar o jogo como ala direito, num flanco no qual tem como opções Yuto Nagatomo (também poderá fazer o flanco esquerdo, pertencente a Dodô), Danilo D´Ambrosio e Hugo Campagnaro (actualmente lesionado, mas uma opção válida para aquele flanco apesar de jogar preferencialmente como central exterior direito no esquema de 3 centrais de Mazzarri).

 

 

Anúncios

A verdadeira história por detrás da candidatura de Fernando Seara à liga

Benfica e FC Porto chegaram a um problema: quem é que poderia mandar numa Liga falida, sem orçamento, a contas com um passivo para o qual não tem receitas, e acima de tudo, incapaz de sanear as guerras de horários promovidas entre os dois canais de televisão que detém os direitos de transmissão dos jogos do campeonatos.

Luis Felipe Vieira tinha medo que o FC Porto, devidamente apoiado por Joaquim Oliveira apresentasse o seu candidato. Jorge Nuno Pinto da Costa tinha medo que o Benfica apresentasse o seu candidato ou que o actual presidente em funções se recandidatasse. O mesmo era, aquele que tinha incentivado a sua Comissão de Inquéritos a lavrar um parecer favoravel aos intentos do Sporting no caso do atraso do FC Porto contra o Marítimo. O mesmo foi aquele que nada fez para o Benfica renegociar os direitos de transmissão dos seus jogos em casa com a Olivedesportos, gerando assim a criação do monstro Benfica TV. Ambos tinham medo que o louco Rui Alves chegasse ao poder assim como tinham medo que o Sporting apoiasse Mário de Figueiredo

Vieira convocou um homem de confiança: Seara. Disse-lhe que as coisas estavam difíceis. Incentivou a candidatar-se sem apoio oficial do Benfica. Pediu-lhe segredo em relação à conversa e incentivou-o a ir ao FC Porto procurar um apoio expresso ou tácito de Jorge Pinto da Costa. E Seara lá foi: afirmou que não era o candidato do Benfica. Apresentou ideias para apaziguar a Liga. Prometeu patrocínios. Pinto da Costa concordou não lançar qualquer candidato desde que um nome fosse riscado da mesa: Filipe Soares Franco, ex-presidente do Sporting, persona non-grata até hoje no Reino do Dragão.

Vieira ficou contente. Perversificou. Chamou Rui Rangel. Contou-lhe a conversa com Seara assim como o feedback descrito por Seara numa conversa telefónica após a audiência com Pinto da Costa. Pediu-lhe que informalmente, sem o mencionar, entrasse em contacto com Seara e manifestasse o seu apoio para criar uma lista conjunta. Na verdade, Vieira testou a lealdade de Fernando Seara quando o incentivou a ir ao Porto pedir o apoio de PC e Joaquim Oliveira. Luis Filipe Vieira teve a certeza que necessitava compreender: Seara era afinal um homem capaz de tudo para chegar à presidência do organismo. Seara aceitou. Reuniram-se. Rangel mostrou-se quase sempre desinteressado em ocupar um lugar de destaque da lista de Seara. Não podendo ser candidato à mesa da AG da Liga por ser uma figura muito próxima de Vieira, Seara achou por bem dar-lhe uma vice-presidência no organismo. Rangel declinou a proposta.

No dia anterior à entrega de listas, estava tudo preparado. Seara figurava como candidato à presidência numa lista conjunta com os homens de Rangel, abençoada por Vieira e Jorge Nuno Pinto da Costa, sem que ambos dessem o apoio oficial dos dois clubes ou a cara pelo projecto. O Sporting continuava neutro. Rui Alves seria facilmente aniquilado pelos votos dos afiliados dos dois clubes. Mesmo que à última da hora, o Sporting apoiasse Mário de Figueiredo ou Rui Alves, não teria votos suficientes para vencer a contenda. Há uma reunião num conhecido hotel de Lisboa para afinar vozes. Existe um desentendimento. Rangel muda de ideias e quer ser vice-presidente da Lista depois de receber uma chamada de Luis Filipe Vieira onde este lhe diz que não podem confiar totalmente em Seara. Vieira ordena: “Tens que resolver isso para poderes controlar. Não podemos confiar num tipo que irá ceder perante a pressão deles.” Rangel faz um ultimato a Seara. Seara afirma que não pode mudar a lista porque já se comprometeu com todos os candidatos da sua lista quanto às posições desta. Rangel abandona a sala.

No dia seguinte, Seara apresenta na sede da Liga de Clubes uma lista na qual é candidato à presidência. Rangel faz o mesmo, apresentando uma lista exactamente igual à de Seara com o antigo autarca da Câmara Municipal de Sintra como candidato à presidência. E é aqui que começa todo o embróglio…

(este post terá continuação)

A confirmar-se como verdade

Citação:

“Todo aquele comportamento, com aquele olhar dele, “que sou muito bem educado”… mas quem anda à porta da tribuna a chamar nomes aos órgãos sociais do Sporting é ele. Quem anda com quatro seguranças a tentar assustar no corredor de Alvalade é ele. É uma vergonha. No jogo anterior ao último, elementos do FC Porto ameaçaram graduados da polícia e o Sporting fez queixa (…) Vamos ao Porto e entramos aos 20 minutos de jogo. No jogo em Alvalade, estavam hora e meia antes na minha casa, a ofender-me. Há uma polícia diferente a norte e a sul. Compreendo que não seja amado. Hei de morrer não sendo hipócrita, rufia… sem ser esta coisa que se arrasta pelo estádio ofendendo tudo e todos. É impressionante ver os jornalistas em pânico” – Bruno de Carvalho, ontem, à Sporting TV

Estamos presente um caso… de justiça civil dificilmente passível de absolvição. Comportamento lastimável. Bruno de Carvalho acabou de encomendar com estas declarações a “sentença de morte”, ou neste caso, a sentença de eliminação para os leões na Taça de Portugal. Não tenho a menor dúvida: o Sporting será recebido no Dragão num dos ambientes mais hostis que haverá memória no futebol português. Ainda falta uma semana para o jogo mas, creio que tal facto fareja-se desde já a milhas.

Aproveito ainda a deixa do presidente leonino ao canal do clube. Conforme deliberação da AG da SAD leonina, esta está a preparar-se para, na AG do Clube, lançar a discussão e a possível expulsão do estatuto de sócio do clube dos 4 dirigentes visados por actos de gestão danosa (Luis Duque, Godinho Lopes, Carlos Freitas e Nobre Guedes) durante a presidência do Engenheiro Godinho Lopes. A confirmar-se como verdade que a SAD leonina, cujo principal administrador na altura era Luis Duque, aumentou o salário a Marat Izmailov na renovação de contrato realizada com o russo (pelo meio, pagou comissões de índole manhosa a terceiros pelos direitos de imagem do russo entre outros direitos) e cometeu mais dois actos lesivos com as contratações de Jeffren e Alberto Rodriguez (dados como inaptos pelo departamento médico do clube após a realização dos habituais exames médicos), os sócios do Sporting serão chamados a decidir, apesar dos estatutos do clube (artigo 27º dos estatutos) não serem claros (são até em certa medida omissos) quanto a este tipo de fenómenos de gestão e quanto à acusação formulada pela SAD leonina junto dos 4 dirigentes.

Contudo, algo parece-me certo: Bruno de Carvalho abriu a caixa de Pandora em Alvalade. Esta caixa não só irá revelar todos os actos de gestão danosa cometidos por dirigentes desde 1992 (ponto de partida da auditoria que está em marcha por intermédio da KPMG) como será a arma que outros dirigentes do clube terão no futuro contra quem a legalidade da gestão de quem a abriu. Costuma dizer o ditado que quem “é o último a chegar que feche a porta” – no caso do clube leonino, quem chega por último tem a partir deste momento toda a legitimidade para questionar o trabalho que o actual presidente do Sporting está a realizar no clube. Outro ditado diz que a “revolução come todos os seus filhos” – a história também irá julgar Bruno de Carvalho. A ver vamos se o filho da revolução não é um dia também ele comido pela mãe.

Curiosamente, neste campo o futebol português ainda tem muito a aprender com a experiência bem sucedida de outros campeonatos e países. Na Alemanha, os clubes profissionais são auditados por entidades independentes, de 3 em 3 meses. Quer com isto dizer que no futebol alemão, as informações (trimestrais, semestrais e anuais) prestadas pelas sociedades à entidade reguladora competente são quase sempre cruzadas em prol de um objectivo que se materializa na salutar gestão financeira dessas sociedades. No futebol alemão, as penalizações para os clubes e dirigentes que pratiquem actos de gestão danosa ou prestem informações erradas ou erráticas (cruzando os dados enviados a cada trimestre com os dados enviados no final do ano) à entidade reguladora e à entidade que organiza os campeonatos são punidas com mão pesada: a descida de divisão pela via administrativa.

breves #23

Selecção Brasileira – Souza, antigo médio do Porto, agora no São Paulo, foi chamado por Dunga para substituir Ramires na convocatória para os jogos contra a Argentina e Japão. Dunga encontra-se a preparar uma fase experimental na selecção. Com os olhos no futuro, ou seja, na próxima Copa América em 2015 e na qualificação para o Mundial 2018, o novo seleccionador brasileiro aproveita os amigáveis que a canarinha irá realizar em Outubro para testar novos jogadores. Assim sendo, Diego Tardelli (Atlético Mineiro), Ricardo Goulart e Everton Ribeiro (Cruzeiro), Rafael Cabral (Napoli), Mário Fernandes (CSKA) Felipe Luis (Chelsea) Danilo (Porto) Dodô (Inter) Miranda (Atlético de Madrid) Gil (Corinthians) Elias (Corinthians) e Robinho (Santos) foram convocados pelo seleccionador brasileiro. A chamada de Robinho foi a grande surpresa da convocatória. De fora ficaram jogadores como Fred, Jô, Dante, Marcelo ou Hernanes.

Selecção Brasileira 2 – A Confederação Brasileira de Futebol quer marcar um amigável no Mineirão frente à Selecção Alemã para “exorcizar” o doravante denonimado Mineiraço – a derrota nas meias-finais do Campeonato do Mundo frente aos alemães por 7-1.

Jordi Clasie – O internacional holandês do Feynoord afirmou ao Jogo que Julen Lopetegui chegou a abordá-lo para pedir para se transferir para o clube da invicta.

Jorge Jesus\Benfica – Na conferência de imprensa realizada após a derrota em Leverkusen por 3-1, derrota encarnada que, apesar do futebol vistoso praticado pelos articulados e técnicos alemães, fica manchada com um enorme erro de arbitragem do inglês Martin Atkinson no lance do penalty que deu o 3º golo ao Leverkusen numa altura em que o Benfica poderia ter facilmente construído outro resultado na BayArena, Jorge Jesus afirmou que “desportivamente uma final da Liga Europa é mais importante que os quartos da champions”.

Uma final europeia é sempre uma final europeia. No entanto, de nada valem as presenças em duas finais europeias se as taças não forem depositadas no bonito Museu Cosme Damião. Creio que o treinador do Benfica teve o azar de afirmar mais uma das suas parvoíces. O grupo em que o clube está inserido não é fácil: as 4 equipas tem um valor similar e, todas poderão ganhar jogos umas às outras. Contudo, seria de esperar que o treinador campeão nacional, não vulgarizasse desta maneira uma posição nas 8 melhores equipas da europa só porque a sua equipa não está para já a ter o melhor rendimento na competição. Numa altura em que volta a ser amplamente criticado pelas suas declarações, o treinador do Benfica deveria ser mais comedido. Com este tipo de declarações está a passar uma mensagem de fraqueza para o balneário que poderá efectivamente ser prejudicial num futuro próximo.

rui patricio

Rui Patrício – A espantosa exibição do internacional português, abrilhantada com as 5 paradas fabulosas que fez a Diego Costa (2), Mohammed Salah e Andre Schurrle (2) levaram a UEFA a incluir o guardião português no onze da 2ª jornada da prova, onze onde também figura Jackson Martinez do Porto.

FC Porto – Na semana passada, Jorge Nuno Pinto da Costa afirmou ao canal do clube que Jorge Mendes o tinha contactado no sentido de lhe apresentar o interesse de Peter Lim na aquisição da SAD Portista. O histórico dirigente afirmou que o “clube não está à venda” reiterando a ideia que enquanto for presidente do clube e da SAD o Porto não terá investidores externos.

Ontem, o presidente do Porto lançou uma Oferta Pública de Aquisição Geral e obrigatória a 18,79% das acções desta que eram detidas pela Somague Engenharia.

Sporting – A equipa leonina assinou ontem um protocolo com a duração de 5 anos com a equipa profissional Norte-Americana New England Revolution (MLS) num acordo que visa a troca de know-how sobre a formação de jovens atletas e possíveis acordos comerciais entre as duas equipas. Assim sendo, existe a possibilidade do Sporting ter direito de preferência sobre alguns jogadores da equipa Norte-Americana assim como esta poderá receber por empréstimo jogadores formados na Academia de Alcochete ou enviar jovens talentos da sua formação para evolução futebolística na Academia de Alcochete junto das equipas das camadas jovens do clube leonino. O acordo também prevê a realização de vários amigáveis ao longo destes 5 anos entre as duas equipas e a possibilidade de equipas do clube leonino poderem realizar estágios de alto rendimento nos Estados Unidos da América e vice-versa no que diz respeito à equipa da MLS na Academia de Alcochete.

Vitor Pereira – O antigo treinador do Porto contrariou as palavras proferidas por Jorge Nuno Pinto da Costa. O presidente do Porto revelou recentemente que não quis renovar com o treinador de Espinho porque os adeptos não sentiam empatia pelo treinador. O antigo bicampeão nacional pelo Porto afirmou que o presidente convidou-o a renovar o vínculo com os Dragões mas não aceitou a proposta.

Andreas Brehme – O Relvado publicou ontem um interessante artigo que dá conta que o glorioso lateral-esquerdo alemão que decidiu a conquista do título mundial a favor da Mannschaft no Itália´90 com aquele penalty nos últimos minutos frente à Argentina de Maradona, está a passar por um mau período na sua vida. Falido e com dívidas, o antigo jogador do Inter de Milão de Trappatoni poderá perder a sua casa nos próximos dias.

Franz Beckenbauer já se disponibilizou para ajudar o antigo jogador de 53 anos. Outro ex-futebolista, agora empresário, também já ofereceu emprego a Brehme como funcionário de limpeza. Aqui fica um pequeno video de tributo ao internacional alemão:

breves #19

Hugo Almeida –

hugo almeida

O ponta-de-lança português assinou pelo Al-Nasr, equipa dos Emirados Árabes Unidos. O jogador estava sem contrato desde 30 de Junho, altura em que o seu vínculo de 3 anos e meio terminou com os turcos do Besiktas. Durante o verão, o jogador esteve muito próximo de assinar por Cesena e West Ham. Apesar de ter ultrapassado o fecho do mercado como um jogador livre, sendo passível de assinar por qualquer clube fora da janela de transferências, nenhum clube europeu manifestou interesse no internacional português que agora vai para o Médio Oriente prosseguir a sua carreira.

Sepp Blatter – O mais alto dirigente do futebol mundial, recandidato ao lugar, afirmou hoje uma das linhas programáticas para o seu próximo mandato: criar jurisprudência desportiva que proiba a acção que os fundos de investimento em jogadores exercem actualmente no futebol mundial.

UEFA\SPORTING – A UEFA publicou na sua página oficial que o Sporting e mais 6 clubes estão a ser investigados pelo seu Comité de Controlo Financeiro (CFCB) por alegadas violações às regras do fairplay financeiro impostas por aquele organismo. Segundo nota publicada no site oficial do organismo, devidamente traduzida: “O CFCB iniciou uma investigação formal a sete clubes (Mónaco, Roma, Besiktas, Inter, Krasnodar, Liverpool e Sporting) por terem apresentado resultados negativos nos relatórios financeiros dos períodos de 2012 e 2013″ – o organismo anunciou também que cinco clubes – Bursaspor, Cluj, Astra Giurgiu, Buducnost Podgorica e Ekranas – viram os seus prémios financeiros retidos. Os clubes sob investigação tem os meses de Outubro e Novembro para apresentar informação complementar para evitar possíveis castigos que vão desde a retenção de prémios europeus à impossibilidade de gastar mais que um valor definido pela UEFA em contratações nesta e na próxima temporada, entre outros castigos possíveis.

A Sporting SAD já fez emitir um comunicado no site oficial do clube, remetendo a violação das regras por parte da anterior direcção da SAD do Clube, cujos responsáveis são Luis Godinho Lopes e Luis Duque.

Bruno de Carvalho – “Absolvição de Pinto da Costa é uma vergonha!” – O presidente do clube leonino afirmou à Sporting TV: “Infelizmente não é nada que não estivéssemos à espera. É dos casos mais vergonhosos do futebol português que infelizmente termina assim. O futebol tem a mania de não querer intromissões… Neste caso houve uma decisão técnica de um tribunal civil, que decidiu pela não legalidade das escutas, e o futebol agarrou essa decisão para ilibar quando toda a gente ouviu e sabe o que ele fez. Não posso por isso admirar uma pessoa que fez isto para alcançar o sucesso”

Lionel Messi\Wellington Oliveira – A cena protagoniza pelo brasileiro e pelo argentino nos minutos finais do jogo disputado na quarta-feira entre Málaga e Barcelona foi explicada pelo Brasileiro. O Brasileiro confessou que apertou com as mãos o queixo do argentino porque alegadamente este o terá insultado de “filho da puta”.

FC Porto\Sporting\João Moutinho –

João Moutinho

A C0missão Arbitral da Liga obrigou o FC Porto a pagar 1,8 milhões de euros ao Sporting pelas mais valias do negócio celebrado com o Mónaco aquando da transferência de João Moutinho. O Sporting reclamava receber 25% das mais valias realizadas no negócio (cerca de 3,5 milhões de euros por 14 milhões de mais valias – o Porto comprou Moutinho por 11 e vendeu por 25).

Na sua defesa, a SAD do FC Porto alegou que desse valor se deveriam “descontar” valores respeitantes ao mecanismo de solidariedade FIFA e parte da comissão ao intermediário do negócio, Jorge Mendes. Feito um pagamento de 1,7 milhões aquando da altura da transferência, a Comissão Arbitral obrigou a SAD do Porto a pagar os restantes 1,8 milhões para contabilizar os 3,5M pedidos.