breves #32

Liga dos Campeões – Na sequência da exposição do Sporting à UEFA, o organismo já fez chegar em comunicado à direcção do Schalke 04 a manifestação promovida pelos leões. A SAD do Sporting Clube de Portugal queixou-se à UEFA da arbitragem do russo Serguei Karasev na partida em questão, manifestando todo o interesse em uma de duas soluções: a repetição do jogo ou a indeminização (por parte da UEFA ou do clube adversário) em 500 mil euros, valor a que o Sporting tinha direito caso o erro de arbitragem no lance da bola na de Jonathan Silva não fosse cometido. O empate na Champions League vale precisamente a atribuição de um prémio pecuniário no respectivo valor. A direcção do Schalke está a estudar a situação, tendo um dos seus mais altos dirigentes feito um comentário irónico contra o sistema de árbitros de baliza inserido nas provas organizadas por aquele organismo. Horst Heldt criticou Michel Platini, afirmando que o líder da UEFA está de parabéns porque o sistema “realmente funciona”.

A repetição da partida será a meu ver um facto praticamente impossível. Nunca naquela competição, dados os erros de arbitragem grosseiros que foram praticados em tantas partidas, algumas delas em fases muito adiantadas da prova (lembro-me daquele Chelsea vs Barcelona ou do roubo descarado que foi a passagem do Borussia de Dortmund às meias-finais em 2013 naquela eliminatória contra o Málaga com 2 erros de arbitragem escandalosos cometidos a favor da equipa alemã nos minutos finais da partida da 2ª mão; no ano passado, aconteceu uma situação semelhante em Amesterdão num Ajax vs Milan com a marcação de um penalty fantasma que deu o empate ao Milan no último minuto) ocorreu existir uma repetição de uma partida por culpa de um erro de arbitragem grosseiro. A repetição da partida seria a criação de um fenómeno novo da prova, fenómeno ao qual a UEFA manifesta-se completamente contra, apesar dos incentivos que tem manifestado ao fairplay ao longo dos anos de existência da competição.

Por outro lado, a “ficção jurídica” de um empate (não-desportivo) por intermédio de uma indeminização de meio milhão de euros, aplaude-se do ponto de vista financeiro mas desvirtua por completo o objectivo da verdade desportiva e camufla os erros cometidos pela arbitragem, não sancionando quem deve ser sancionado. Ou seja, neste caso, os 6 árbitros presentes na partida.

A UEFA já anunciou que vai decidir na terça-feira o protesto apresentado pelo Sporting. Um porta-voz da UEFA explicou à Lusa que a queixa tem por base  o artigo 50 do regulamento disciplinar da entidade que tutela o futebol europeu e que enquadra três alíneas: «Erro evidente do árbitro, clara violação das regras por parte do árbitro com influência decisiva no resultado final» e ainda «qualquer outro incidente que tenha influência decisiva no resultado».

 O Sporting também já respondeu às declarações de Jorge Jesus. O treinador do Benfica lamentou-se que o clube também já foi prejudicado gravemente nas provas da UEFA (referindo-se à eliminatória de há 2 anos frente ao Chelsea nos quartos-de-final e ao jogo de Leverkusen da edição desta época). Bruno de Carvalho aproveitou as declarações para afirmar que o Sporting está disponível para conversar “seja com quem for” em prol de uma visão comum para melhorar o futebol português.

Liga Europa –

As cenas são lamentáveis. Há muito que o hooliganismo dos adeptos britânicos não se fazia sentir na Europa. Os adeptos do Everton envolveram-se em escaramuças com os adeptos do Lille e com a polícia daquela cidade, antes e depois do jogo da Liga Europa que opôs as duas equipas (empate a 0 bolas). Tudo deverá começado na quarta-feira quando um grupo afecto aos Ultras do Lille atacou violentamente várias dezenas de adeptos da equipa inglesa numa zona de esplanadas da cidade. A resposta dos ingleses não demorou muito, provocando um autêntico cenário de batalha durante a tarde e noite de ontem.

O comportamento verificado pelos adeptos dos dois clubes está a ser investigado pela UEFA. O organismo poderá executar sanções contra os dois clubes, sanções essas que podem ir desde a punição básica de realização de jogos à porta fechada para os mesmos ao impedimento expresso de venda de bilhetes para os adeptos dos dois clubes nos jogos que terão que realizar fora.

FC Porto –

lopetegui

As declarações do treinador do Porto na conferência de imprensa de antevisão do jogo frente ao Arouca:

“Não acredito em verdades absolutas. Tratamos sempre de apresentar a equipa que achamos que vai ser melhor para cada jogo em específico. Não queremos terminar a primeira volta com cinco pontos de vantagem, queremos é ganhar a Liga e para isso traçamos um caminho e queremos seguir nele. Estamos bem na Champions e cada onze depende das necessidades de cada jogo. Todos no FC Porto são iguais. Há uns que jogam mais, mas isso não garante nada”.

A rotatividade do plantel será, portanto, para manter. Essa mesma rotatividade de plantel é a principal crítica dos adeptos ao trabalho do espanhol no comando técnico do clube. Aproveitando as declarações de Jackson Martinez, nas quais o colombiano pedia aos adeptos para não assobiarem os jogadores (referindo no entanto que compreende o descontentamento destes), o espanhol aproveitou o momento para frisar que prefere “ser assobiado” em detrimento dos jogadores.

Servia

Euro 2016\UEFA – A UEFA anunciou em comunicado oficial a decisão pendente para a reunião de ontem em relação aos acontecimentos do Sérvia vs Albânia e as respectivas sanções que as cenas mereceram por parte da Comissão de Controlo de Ética e Disciplina daquele organismo.

Pelo facto dos albaneses terem abandonado o terreno de jogo e se terem recusado a jogar, os albaneses perderam o jogo por 0-3 sendo ainda multados em 100 mil euros. Os Sérvios vencem ficticiamente a partida visto que os 3 pontos também lhes serão subtraídos pelos actos cometidos por jogadores e adeptos. (Justiça salomónica). Os sérvios também foram multados em 100 mil euros e punidos com 2 jogos à porta fechada, jogos que serão cumpridos frente à Dinamarca e Arménia. Nenhum jogador das duas selecções foi punido com jogos de castigo.

Juventus – O clube italiano anunciou a renovação de Paul Pogba até 2019. O jogador irá auferir um ordenado líquido de 4,5 milhões de euros por temporada, 3 vezes mais do que aquele que auferia no clube de Turim até hoje.

Sporting – Shikabala ainda não compareceu em Alvalade mas reapareceu publicamente no Cairo num jogo de futebol de 5 com estrelas mediáticas daquele país. O jogador também informou que tem a sua mansão à venda, facto que pode indiciar que o Sporting não lhe tem pago o ordenado. O jogador está sob alçada disciplinar do clube de Alvalade.

Marco Silva continua a preparar a recepção ao Marítimo para a 8ª jornada da Liga. Islam Slimani será a grande ausência da partida do lado da equipa lisboeta. O departamento médico do Sporting reavaliou o estado físico do jogador, concluíndo que este não abandonou a partida frente ao Schalke por problemas musculares graves. Deverá trabalhar de forma condicionada nos próximos dias, não sendo opção para o jogo deste fim-de-semana.

Luis Filipe Vieira\Jorge Nuno Pinto da Costa – O jornal A Bola referiu na sua edição em papel que os dois dirigentes terão almoçado juntos na Mealhada depois da reunião de presidentes de clubes profissionais realizada em Coimbra na 2ª feira.

Luis Duque é efectivamente o candidato que ambos apoiam para a presidência da Liga de Clubes.

Manchester United – A equipa britânica anunciou que o antigo guarda-redes do Barcelona Victor Valdés vai treinar-se durante algumas semanas com o plantel às ordens de Louis Van Gaal. O guarda-redes continua livre. Valdés continua a recuperar de uma lesão contraída em Março, existindo a possibilidade de assinar pela equipa de Manchester.

Luis Suarez

Luis Suárez – Véspera de superclássico em Espanha. O Barcelona soube por intermédio do TAS e da FIFA que pode utilizar Luis Suárez no jogo contra o Real Madrid. Luis Enrique confirmou na conferência de imprensa desta manhã que o uruguaio encontra-se em boas condições físicas e será opção para o jogo que se irá realizar amanhã pelas 18 horas espanholas (17h portuguesas) no Santiago Bernabéu.

Em entrevista ao Sport, o jogador confessou que nunca mais irá morder um adversário, referindo que foram milhares as pessoas que lhe perguntaram se o voltaria a fazer ou se estaria arrependido do acto cometido no Mundial perante Giorgio Chiellini.

Andrea Agnelli – O presidente da Juventus aplaudiu a decisão tomada em Assembleia Geral de accionistas do Inter que visa tornar Massimo Moratti presidente honorário do clube milanês, apesar de já não ser o principal accionista da equipa (agora é o indonésio Erick Thorir).

Inter de Milão – Walter Mazzarri pediu à direcção milanesa a contratação do lateral direito do Bayer de Leverkusen Giulio Donati. Donati tem tido uma utilização intermitente no plantel dos farmacêuticos, partilhando a titularidade com a outra opção para o sector, o croata emprestado pela Roma Tim Jedjav. Donati poderá sair de Leverkusen por perto de 6 milhões de euros. Mazzarri deverá pretender utilizar o jogo como ala direito, num flanco no qual tem como opções Yuto Nagatomo (também poderá fazer o flanco esquerdo, pertencente a Dodô), Danilo D´Ambrosio e Hugo Campagnaro (actualmente lesionado, mas uma opção válida para aquele flanco apesar de jogar preferencialmente como central exterior direito no esquema de 3 centrais de Mazzarri).

 

 

38º aniversário do debutante Maradona

Diego Armando Maradona

O próprio fez questão de assinalar a efeméride na sua página nas redes sociais. Ontem completaram-se 38 anos da sua estreia enquanto sénior, no Argentinos Juniores, aos 15 anos, 11 meses e 10 dias. Foi o início de uma viagem louca pela carreira daquele que considero ter sido o melhor jogador de sempre e que desde pequenino, graças às cassetes que o meu pai possuía de jogos que um amigo lhe ia gravando através dos canais de antena parabólica, quer do Barça, quer do Napoli, fui apreciando. Quando era miúdo vi vezes sem conta essas dezenas de cassetes. Vi cada momento do craque até à exaustão, guardando na memória aquela celébre eliminatória da UEFA em que o Napoli de Maradona jogou contra o Sporting na campanha de 89\90 e o argentino até desperdiçou uma grande penalidade na decisão de Napoli, apesar da passagem do Napoli, que garantiu 100 dólares pagos pelo craque ao argentino ao guarda-redes do Sporting Tomislav Ivkovic, graças a uma aposta feita entre os dois.

O dia 20 de Outubro de 1976 ficará eternamente gravado na memória colectiva do futebol mundial como o dia em que o excesso saiu à rua. O excesso de brilhantismo, o excesso de ego, o excesso também de humildade (desde pequenino que o chavo nascido e criado na Villa Miseria de Villa Fiorito proclamou que o seu maior sonho era ser jogador de futebol e vencer o título mundial pela Selecção Argentina, coisa que fez em 1986, não fez em 1978 porque Luis Cesar Menotti o considerava demasiado jovem para aguentar a pressão de jogar um mundial tão importante para o país em casa, não o conseguiu em 1990 porque Andreas Brehme tirou de penalty uma vitória merecida aos argentinos e não o voltaria a fazer em 1994 num mundial de má memória para o próprio depois de ter sido suspenso por acusar uma substância dopante ainda na fase-de-grupos), o excesso de golos e jogadas bonitas, o excesso de simpatia pelas causas do povo de Napoli, pela causa socialista (Maradona é amigo íntimo e confesso apoiante de Fidel Castro e do regime Cubano) e, o excesso dos excessos com as drogas.

maradona 3

A carreira de Maradona é um carrossel vivo. Desde a experiência falhada em Barcelona, a primeira conquista do scudetto pelo Napoli tornando-se assim o primeiro clube a Sul de Roma a consegui-lo na história de um futebol dominado claramente pelos interesses dos clubes do Norte, a suspensão por uso de doping, os problemas criados pela dependência de cocaína, a mão de Deus, a vitória categórica no Mundial de 1986 e o fim da carreira no Boca já em meados dos anos 90. Diego Armando Maradona é um mundo à parte no interior do próprio mundo.

 

Documentário de Emir Kosturica, intitulado “Maradona” (completo).

 

breves #30

Liga dos Campeões 1 – São esperados 2500 adeptos do Athletic de Bilbao na Invicta para assistir à partida que irá opor a equipa portuguesa à equipa basca. Nas imagens televisivas que vi há pouco no telejornal da SIC vi que em duas partes distintas da cidade do Porto, as esplanadas dos cafés e restaurantes estavam repletas de simpáticos adeptos daquele clube do País Basco.

FC Porto – A SAD portista anunciou que a equipa de futebol terá um novo patrocínio nas camisolas na próxima temporada. A PT irá deixar de patrocinar a equipa em Junho de 2015. O patrocínio da PT, renovado em 2011, garantia aos cofres do clube da invicta um pacote mínimo de 14,6 milhões de euros por 4 temporadas, acrescido de prémios adicionais variáveis dependentes da performance desportiva da equipa. O Novo Banco também irá reformular a sua posição como Sponsor. O administrador da SAD Portista reiterou que as fontes de financiamento da SAD portista no dito banco continuam irrepreensíveis, ao contrário do Benfica, cuja conta caucionada de 70 milhões foi fechada por decisão de Vitor Bento, entretando demitido do banco por iniciativa própria.

FC Porto 2A SAD do Porto apresentou o relatório de contas respeitante ao exercício desportivo 13\14. Esta pode ser consultada em detalhe no site da CMVM. O administrador dos Dragões explicou o insucesso financeiro da época transacta pelo facto das vendas de Mangala e Defour só se terem realizado após 30 de Junho devido ao Mundial, pelo facto de não ter sido contabilizada uma receita de 10 milhões da Liga dos Campeões pelo facto do clube não ter entrado directamente na prova e pela redução de proveitos operacionais (receitas). O capital próprio dos dragões também desceu para números negativos, daí que se tenha justificado o recurso a um fundo de investimento para arrecadar parte do valor investido na contratação de Brahimi por exemplo.

UEFA Youth League – Os sub-19 do Porto somaram o 2º triunfo na fase-de-grupos da prova ao baterem o Athletic de Bilbao por 2-0. Os dragões lideram o seu grupo com 7 pontos e só precisam de vencer o Athletic em Espanha dentro de duas semanas para garantirem o apuramento para os oitavos de final. Em Gelsenkirchen, a equipa do Sporting perdeu por 3-0 frente ao Schalke e terá obrigatoriamente que vencer os 3 jogos que lhe restam para ter hipóteses de se apurar.

di matteo

Liga dos Campeões 2 – O novo treinador do Schalke é o italiano Roberto DiMatteo, treinador que já obteve uma vitória na prova em 2012 ao serviço do Chelsea. O treinador italiano afirmou na conferência de imprensa de antevisão ao jogo que espera encontrar um “Sporting a alinhar em 4x3x3 com uma cuidada circulação de bola e muito perigo vindo de acções individuais”. Interrogado sobre o facto de já ter vencido a prova por uma vez enquanto treinador, o antigo internacional italiano afirmou que “já não pensa nisso” porque “é passado e já lá vai”.

Cedric\Mais Futebol – Oportuno, a redacção do Mais Futebol brindou-nos hoje com uma interessante reportagem sobre Cedric no seu regresso à cidade onde nasceu: Gelsenkirchen. Para ler.

Bayern de Munique – Continua a pesca da equipa bávara em Dortmund. Depois de Gotze e Lewandowski, Karl-Heinze Rummenigge, novo presidente do Bayern, afirmou que o clube estará disposto a bater a clásula de 25 milhões de euros que está prevista para o final da próxima temporada no contrato de Marco Reus. Real, Arsenal, Barcelona, City e Juventus também estão de olho na possibilidade de poderem contratar o jogador por essa via.

UEFA – Michel Platini esteve presente durante esta manhã em Roma na reunião de Ministros do Desporto (o Estado Português foi representado pelo Secretário de Estado Emídio Guerreiro) para falar com os ministros do sector dos 28 sobre as novas regras do Fair Play Financeiro da UEFA. Segundo os rumores que correm na imprensa mundial, o líder da UEFA pediu aos mesmos e ao novo comissário europeu responsável pela pasta do Desporto que auxiliassem o organismo que preside a lutar pela proibição dos fundos de investimento no futebol através da criação de legislação europeia ou até nacional que proíba a sua actuação no espaço europeu ou nacional.

mannone

Sunderland – O guarda-redes italiano Vito Mannone foi a voz do descontentamento numa atitude que é tantas vezes repetida em situações análogas no futebol inglês. O guardião afirmou que irá falar com os seus colegas para “pagarmos o valor dos bilhetes e das viagens até Southampton. É difícil para nós, mas para eles também. Atirámos a toalha ao chão depois de sofrermos o primeiro golo. Perdemos por 8-0, mas não perdemos oito jogos por 1-0. Vamos aguentar esta derrota e seguir em frente”

Liga dos Campeões 3 – Dentro de hora e meia inicia-se o primeiro jogo da jornada de hoje. O CSKA recebe em Moscovo, em campo neutro (Estádio Khimki) à porta fechada (2º jogo de castigo dos 3 impostos pela UEFA após os desacatos de Roma na primeira jornada da fase-de-grupos).

Harry Redknapp\Adel Taarabt – O jogador marroquino não tem sido opção no QPR, último classificado da Premier League com apenas 4 pontos conquistados em 8 jornadas. O veterano treinador arrasou o jogador no final da partida contra o Liverpool: “Taarabt não está lesionado. Ele não está em forma. Não apresenta condição física que lhe permita jogar futebol. Ele jogou nas reservas recentemente e eu consigo correr mais do que ele. Não posso apostar nele. Não posso continuar a proteger pessoas que não querem correr ou treinar, que estão 19 quilos a mais. O que posso continuar a dizer, continuem a ganhar 60 ou 70 mil libras por semana e não treinem?”

Luis Suárez – O avançado do Barcelona explicou em declarações ao Sport que temeu pela sua carreira nos dias a que se seguiram à célebre mordidela em Chiellini. O uruguaio afirmou que se retirou com a família, reflectiu e pediu perdão pelo sucedido. Temeu que o Barcelona recuasse na sua contratação, mostrando-se muito feliz pelos catalães não o terem feito.

Chievo Verona – A derrota com a Roma por 3-0 ditou o afastamento de Eugénio Corini, histórico jogador do clube, do comando técnico da equipa. Rolando Maran é o novo treinador da equipa que se encontra em 18º lugar da Série A, o primeiro da despromoção, e de um plantel que conta com as presenças de jogadores como os guarda-redes Francesco Bardi ou veterano (ex-Real Madrid) Albano Bizarri, os centrais Dario Dainelli e Alessandro Gamberini, o esloveno Valter Birsa, o agressivo finlandês Perperim Hetemaj, os argentinos Ezequiel Schelotto e Maxi Lopez ou os avançados Sergio Pelissier e Alberto Paloschi.

Bruno Alves –

O presidente do Fenerbahce Aziz Yildrim mostrou-se furioso com a expulsão de Bruno Alves no derby de Istambul frente ao Galatasaray devido à entrada bárbara tão habitual no central português sobre o suiço Blerim Dzemaili. A expulsão do português ajudou à derrota por 1-0 frente ao eterno rival com golo do “insatisfeito” Wesley Sneijder. O incidente motivará, segundo o presidente do Fenerbahce, uma multa pesada para evitar novos actos de indisciplina dentro do clube.

Messi recusa-se a ser substituído

Primeira derrota para o novo treinador do Barcelona. Desde o primeiro dia no comando técnico do clube que Luis Enrique afirmou que iria fazer uma rotação natural do plantel e que todos os jogadores da equipa participariam nessa rotação. Nos primeiros jogos da temporada, Luis Enrique não se coibiu de não convocar Daniel Alves ou Neymar, poupando-os quando entendeu que fisicamente os jogadores precisavam de descansar e que o rendimento da equipa precisava de ser fomentado graças à competitividade que a rotação (desde que devidamente controlada) promove.

Ao minuto 76 do jogo contra o Eibar, o técnico pediu a Messi que saísse do terreno de jogo e se sentasse no banco. O argentino disse não e o treinador catalão ficou deveras apreensivo com a atitude do seu jogador. A relutância demonstrada pelo jogador é uma autêntica dor-de-cabeça para o treinador. Ao não concordar com a sua escolha, o jogador retirou o grau de autoridade que o treinador deverá sempre ter sobre a equipa. Contudo, Luis Enrique não poderá recuperar a autoridade perdida com a aplicação de um castigo ao argentino porque tal cenário é, em primeiro lugar, pela dimensão do jogador no clube catalão, inexequível, em segundo lugar, pelo seu rendimento, também inexequível e em terceiro lugar, um acto passível de provocar descontentamento no jogador e instabilidade no balneário.

breves #25

Maxwell – O lateral esquerdo do PSG decidiu comunicar durante esta quarta-feira a sua retirada da selecção brasileira. Aos 33 anos, o jogador somou 10 internacionalizações AA pela canarinha e 8 pela selecção olímpica (sub-23). Foi durante muitos anos suplente de Roberto Carlos e Marcelo no escrete. Em virtude da sua avançada idade (o próximo mundial já o irá apanhar com 37 anos) e da nova vaga de jogadores para a posição (Felipe Luis, Dodô, Marcelo, Alex Sandro), o lateral achou conveniente anunciar a sua despedida de uma selecção na qual foi durante muitos anos covocado mas não utilizado.

“Aos 33 anos e com a concorrência que se tem, a seleção para mim acabou”, disse o jogador em declarações à France Bleu. Na mesma entrevista, o lateral brasileiro não confirmou se ficará no plantel de Laurent Blanc até ao final da temporada. Com contrato até 2015, o jogador deu a entender a hipótese de regressar ao futebol brasileiro visto que o mercado no Brasil continua aberto até final de Março: “Vamos ver em fevereiro. Talvez este seja o fim, talvez a gente continue. Isso vai depender do desejo do clube e, talvez, das propostas que eu tenho. Por enquanto, eu quero ficar focado para jogar bem e estar fisicamente pronto e disponível para o treinador”

Mario Balottelli – O jogador italiano brindou-nos ontem com uma das suas típicas tiradas de humor. O italiano respondeu às críticas de que tem sido alvo em Inglaterra. Muitos tem questionado os motivos que levaram o Liverpool a contratá-lo. O avançado respondeu na sua página na rede social facebook: “Sou 99% anjo mas aquele 1%”

Vitor Damas –

Se fosse vivo, o histórico guarda-redes do Sporting e da Selecção Nacional faria ontem 67 anos. Para a memória, fica uma das melhores defesas da sua carreira e, quiçá, da história da selecção nacional.

Sami Khédira

khedira

O internacional alemão de 30 anos pretende rescindir com o Real Madrid durante o mês de Outubro ou poderá ser vendido na reabertura do mercado caso as partes não cheguem a um acordo. Os madrilenos poderão aceitar esta proposta visto que o jogador deixou de ser opção para Carlo Ancelotti e é um jogador caro para os cofres merengues, auferindo cerca de 5,5 milhões anuais. O jogador ainda tem um valor de mercado fixado actualmente nos 15 milhões de libras. O Independent noticiou ontem que o Arsenal estará disposto a oferecer um contrato de 100 mil euros por semana para ter o alemão em Janeiro. Faltará portanto aos Gunners chegar a acordo com o Real Madrid depois das negociações terem sido interrompidas no Verão.

O Corrière Dello Sport em Itália afirma na sua edição (9 de Outubro) que o Milan entrou na corrida pelo internacional alemão, podendo estar a convencer o jogador a desvincular-se do clube espanhol de modo a assinar a custo zero pela equipa milanesa ainda antes da reabertura de mercado.

Lionel Messi\Liga Espanhola – Um dia depois de afirmar que Barcelona e Espanyol não jogarão a Liga Espanhola caso o povo catalão opte pela independência da região no próximo referendo, o presidente da Liga de Clubes Espanhola Javier Tebas afirmou que caso Lionel Messi bata nas próximas jornadas o record de Telmo Zarra (lenda do Athletic de Bilbao entre 1940 e 1955, até hoje o melhor marcador de sempre da história da Liga Espanhola com 251 golos) frente a Eibar ou Real Madrid (no Bernabéu; o argentino precisa de 3 golos para bater o record) não descarta a hipótese de um dos jogos parar caso o argentino consiga marcar o golo 252º, mesmo que isso aconteça em pleno Santiago Bernabéu no jogo que irá opor as duas equipas dentro de 3 semanas.

Na minha opinião, a ideia é simplesmente estapafurdia, e, como não deixaria de ser, está apenas a alimentar o ódio entre os dois clubes.

Selecção de sub-21 – A nossa selecção de esperanças joga amanhã pelas 17:30 em Alkmaar a primeira mão do tudo ou nada (leiam-se playoffs) de qualificação para o Europeu de 2015 na República Checa.

Rui Jorge volta a uma cidade onde foi muito feliz. O seleccionador nacional fazia parte da equipa leonina que eliminou o AZ Alkmaar no antigo De Hout (entretanto nasceu outro estádio em 2006) nas meias-finais da Taça UEFA desse ano. O seleccionador nacional afirmou hoje na habitual conferência de imprensa que está optimista quanto a um bom resultado, descartando desde já ter vindo à Holanda para jogar para o empate.

Rui Jorge não poderá contar com Bruma, Edgar Ié, Gonçalo Paciência e Tiago Ilori por lesão. Já o seleccionador holandês não irá contar com Marco Van Ginkel (AC Milan; emprestado pelo Chelsea) e Memphis Depay (PSV) por lesão. Apesar do extremo já pertencer à selecção A, foi equacionada a sua utilização na equipa de esperanças.

O benfiquista Ola John deverá ser titular na selecção holandesa.

O Olheiro #8 – Martin Odegaard

O jovem de 15 anos do Stromsgodset tornou-se viral nos últimos dias graças a estes 6 minutos de video.

Tentei descobrir mais informações na internet sobre este talento de palmo e meio até que descobri que para além de ter sido o mais jovem jogador a estrear-se na Tippaeliguen aos 15 anos, já se estreou pela selecção norueguesa a 27 de Agosto deste ano num amigável frente aos Emirados Árabes Unidos. Assim como já fez visitas regulares à Academia do Bayern de Munique e do Manchester United. Quem neste momento está a fazer mais pressão sobre o atleta é o Barcelona. Apesar de estarem impedidos de inscrever jogadores até Janeiro de 2016 em virtude de terem cometido várias irregularidades (contra as regras da FIFA) na inscrição de menores de idade entre 2009 e 2013, a equipa catalã estará a tentar dissuadir o jogador norueguês a não se transferir até à janela de mercado de 2016 (os catalães foram impedidos de inscrever jogadores durante 2 janelas de mercado, ou seja, a de inverno e a do próximo verão – aguardam a decisão do recurso interposto junto do Comité de Apelo da FIFA) para assim rumar ao clube catalão.

 

breves #24

Graziano Pellè –

Graziano Pellè

O robusto avançado italiano que Ronald Koeman levou do Feyenoord para o Southampton por 8 milhões de libras goza um dos melhores momentos da sua carreira. Primeiro porque tem sido o abono de família do Southampton. O italiano de 29 que até aqui nunca representou um grande italiano (Lecce, Catania, Crotone, Cesena, AZ Alkmaar, Parma, Sampdoria e Feyenoord) é um dos melhores marcadores da Premier League até ao momento com 4 golos em 6 jogos (5 em 8 se somarmos os jogos realizados para todas as competições) e foi chamado por Antonio Conte para representar a Squadra Azzurra nos compromissos desta contra Azerbeijão e Malta.

Pellè insere-se num lote no qual Mario Balottelli não faz parte. O guarda-redes Perin do Genova, os defesas Angelo Ogbonna da Juventus, Manuel Pasqual da Fiorentina (apesar de não estar a ser titular em todos os jogos da Viola; Vincenzo Montella tem apostado imenso no espanhol Marcos Alonso) Rugani do Empoli, os médios Marco Parolo da Lazio, os médios-ala\extremos Bonaventura do Milan, Alessandro Florenzi da Roma e os avançado Simone Zaza do Sassulo são as grandes novidades da convocatória do antigo treinador da Juve que, ainda está a aproveitar jogos de menor dificuldade para observar jogadores potencialmente convocáveis para este ciclo de 2 anos.

Grandes ausências da convocatória para além de Balotelli são por exemplo  Riccardo Montolivo (Milan; por lesão), Gabbiadini (para já riscado por Conte), Alessio Cerci (Atlético de Madrid) Stephen El-Sharaawy ou Antonio Cassano.

Arsène Wenger\José Mourinho – A FA não irá castigar os dois treinadores pelo incidente realizado à passagem do minuto 20 do derby disputado no domingo. A federação Inglesa não irá actuar porque segundo o árbitro da partida, Martin Atkinson, os dois treinadores responderam positivamente ao aviso que foi feito por si aquando do acto.

Arsène Wenger não se mostrou arrependido do sucedido: “Não estou arrependido do empurrão. Tenho de estar arrependido do quê? Queria ir do ponto A para o B e alguém surgiu no meu caminho e confrontou-me antes de chegar ao ponto B. Queria ver qual era a gravidade da lesão de Alexis Sànchez» – O francês também acusou Mourinho de falta de fairplay.

Laurent Koscielny afirmou na chegada ao estágio que a selecção francesa irá fazer no centro de rendimento de Clermont-Ferrand que o seu treinador estava irritado pelo facto de uma entrada que tinha sido feito 4 dias antes por parte de um jogador do Galatasaray sobre Alexis Sanchez ter sido punida com um amarelo e, a entrada que motivou o celeuma (feita por Gary Cahill) não ter sido punida com qualquer cartão. Sabemos bem o quão é apertado o critério disciplinar dos árbitros ingleses…

Já Mourinho realçou que aquele não é o típico comportamento de Wenger: “São duas questões técnicas que estão em causa. Ele entrou no meu espaço. Se era para dar instruções a um jogador tudo bem, mas para pressionar o árbitro a dar um cartão vermelho a um jogador não é justo. Acho que esta não é a imagem de fair play que Wenger deve dar»

Mario Balottelli – O Diário Espanhol Sport noticia hoje que o Liverpool decidiu colocar uma pessoa a vigiar Mario Balottelli para onde quer que o italiano vá na sua vida pública e privada. O clube inglês pretende salvaguardar que o avançado italiano não faz cenas lamentáveis como as que fez em Manchester (orgias com prostitutas, o incêndio que provocou em sua casa) ou em Itália (apanhado a fumar em discotecas, apanhado pela polícia a conduzir alcoolizado) até porque, no contrato de compra e venda que celebrou com o Milan há uma cláusula que obriga os rossoneri a devolver ao Liverpool os 17,6 milhões de libras pagos pelos Reds em caso de mau comportamento continuado do jogador.

Marco Reus – Ao fechar pela 3ª vez a porta à renovação com o Borussia de Dortmund, o Sport notícia que o Barcelona entrou na corrida por Marco Reus. Liverpool, United e Bayern de Munique serão os principais interessados no meister do futebol alemão actual. O jogador alemão já avisou que poderá anular a clásula contratual que detém com o clube da Vestfália, na qual, em 2015, anulando esta cláusula o jogador poderá sair para qualquer clube que pague 25 milhões de euros pelos seus direitos económicos. É possível que o internacional alemão esteja a pressionar o clube germânico para sair na reabertura do mercado em Janeiro.

Thomas Vermaelen – O internacional Belga contratado pelo Barcelona ao Arsenal no Verão por 15 milhões de libras é um dos maiores casos de imprensa do país vizinho. O belga ainda não somou qualquer minuto na equipa culé devido a sucessivas lesões que o tem afectado neste início de temporada. Numa coluna publicada na edição de ontem do Sport, um colunista chegou a interrogar se o jogador foi observado pelos médicos do clube nos habituais exames médicos antes de assinar. A suspeita deverá marcar a actualidade dos próximos dias. Vermaelen voltou a treinar à parte hoje numa sessão de treino invulgar dirigida por Luis Enrique com apenas 10 jogadores (5 da equipa principal e 5 da equipa B) derivado do facto de grande parte dos jogadores das duas equipas estarem ao serviço de selecções AA e selecções jovens de vários países.

Daniel Alves\José Mourinho – José Mourinho respondeu à boca do lateral direito do Barcelona (“Mourinho não inventou o futebol… não descobriu nada!!”) – Com um toque de inteligência o português ridicularizou o brasileiro ao afirmar: “Nem Einstein o poderia ter dito melhor. Daniel Alves tem toda a razão: eu não inventei o futebol, mas foi um português que descobriu o Brasil!”

João de Deus

Sporting – A Sporting SAD anunciou ontem a contratação de João de Deus como o novo técnico da sua equipa B. O antigo treinador do Gil Vicente esteve poucas semanas no desemprego após ter sido despedido da equipa gilista. João de Deus orientou como treinador principal a Selecção de Cabo-Verde, o Ceuta, Farense, Atlético, Oliveirense e Gil Vicente. Sucede a Francisco Barão que se mantem como treinador adjunto da equipa depois de a ter orientado interinamente após o despedimento de Abel ainda na pré-temporada.

Hugo Almeida – O jogador português assinou pelo Cesena da Serie A italiana depois de ter passado com sucesso pelos habituais exames médicos. O Cesena ocupa neste momento o 13º lugar da Lega Calcio.

Federação Espanhola – Na antevéspera do referendo que levará os Catalães a decidir pelos destinos daquela região (independência ou permanência sob a soberania de Madrid) o presidente da Liga de Clubes Espanhol Javier Tebas colocou alguma pressão nos sentimentos dos catalães ao afirmar que caso os cidadãos daquela região votem favoralmente à independência “Barcelona e Espanyol não jogarão a Liga Espanhola”. O lider do organismo que organiza a competição remeteu as suas declarações à Lei do Desporto em vigor. A mesma lei autoriza apenas a competição dentro das competições organizadas por entidades espanholas a clubes não-espanhóis de Andorra.

Montpellier –

montpellier

O mau tempo que se faz sentir em toda a europa já provocou alguns estádios de futebol. Esta era a imagem do estádio La Mousson, propriedade do Montpellier durante a manhã de hoje.